Dicas de Hotelaria

Guia do Marketing Sensorial Hoteleiro [PARTE 4 – PALADAR]

0
O marketing sensorial para hotel é uma importante estratégia de vendas.

O Guia do Marketing Sensorial Hoteleiro mostrará, na prática, como você aplica técnicas para o paladar dos seus hóspedes!

É que todo mundo lembra de um prato que gostou muito. Alguns recordam a lasanha da mãe, ou uma moqueca que comeram em algum restaurante, um drinque especial feito em alguma boate…

Do prato mais simples até o mais elaborado. Todos causam sensações se são bem trabalhados pelo espaço.

E é por isso que você precisa conferir as dicas que deixamos neste post. Contamos como trabalhar o marketing sensorial para o paladar sem erros!

Tenha um prato exclusivo

Não tem referência melhor para seu hóspede do que reconhecer o seu hotel por um serviço exclusivo que ele presta.

Se você tem um restaurante completo, pode agregar ao cardápio uma lista de itens que são criações dos seus chefs e bartenders.

Isso inclui um coquetel com frutas típicas da sua cidade, um molho exclusivo para massas ou carnes, uma salada especial, etc.

Esse prato precisa ser bastante elaborado, de forma que agrade a todos os hóspedes. Pense em componentes que dificilmente são alergênicos – como leite, camarão, etc – para alcançar o máximo possível de pessoas.

Oferte um menu especial para os alérgicos e veganos

Quem tem uma alimentação diferente da convencional sempre encontra dificuldades de encontrar pratos especiais em restaurantes de hotéis.

Então nada melhor do que um cardápio diferenciado para essas pessoas! Você pode criar uma categoria para quem tem tolerância a lactose ou é alérgico a crustáceos, por exemplo. Também crie uma categoria para os vegetarianos e veganos, que aumentam de número a cada ano.

Essa simples ação com certeza conquistará muito seu hóspede. Além de ser considerada como um tipo de carinho, ajudará a aumentar as receitas do espaço, visto que o cliente certamente optar por fazer as refeições no local que ele sabe que encontrará pratos para si e sem dificuldades.

Aposte nas noites típicas

Uma tendência da hotelaria muito comum – principalmente para hostels – é apostar nas famosas noites típicas.

A “noite árabe”, “noite oriental”, “noite brasileira” – principalmente se seu espaço recebe muitos estrangeiros, “noite nordestina”, etc, ajuda a trazer mais o hóspede para dentro do espaço.

Essas noites podem ser trabalhadas perfeitamente no marketing sensorial hoteleiro como um evento exclusivo do seu espaço. É só colocar a imaginação para fluir e apostar na ousadia!

Confira o Guia Completo do marketing sensorial hoteleiro

Além do paladar, nós já publicamos outras partes do guia completo do marketing sensorial hoteleiro.

Vale a pena conferir os outros conteúdos para trabalhar cada um deles em seu hotel ou pousada!

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Como evitar o Overbooking: 5 práticas infalíveis para o seu hotel

Previous article

O que é Revenue Management e como aplicar a técnica?

Next article